quinta-feira, 18 de junho de 2015

ELESSANDRO DE ALMEIDA FOTÓGRAFO PAISAGISTA

 
FALA GALERA...EU ACHO QUE O QUE FAZ O MUNDO EVOLUIR NÃO SÃO AS PESSOAS NORMAIS...SÃO AS PESSOAS DIFERENTES. POR ISSO SÓ É IMPOSSÍVEL AQUILO QUE VOCÊ NÃO ACREDITA...MEU NOME É ELESSANDRO DE ALMEIDA NASCI E MORO EM PARANAVAÍ A CIDADE POESIA,E A CAPITAL DA LARANJA DO PARANÁ. E COMO EU SONHO EM SER CINEASTA, TAMBÉM ESCREVI ALGUNS LIVROS BASEADOS EM MEUS ROTEIROS. COMO UM FOTÓGRAFO NESSE AGITADO MUNDO MODERNO, EU PROCURO EXPRESSAR EMOÇÕES ATRAVÉS DAS MINHAS PAISAGENS DA NATUREZA. ESPERO QUE GOSTEM. JÁ OS MEUS LIVROS PODEM SER ADQUIRIDOS ONLINE PELO SITE CLUBE DOS AUTORES: = MINHAS OBRAS =
NOME: ELESSANDRO DE ALMEIDA DA SILVA
DATA DE NASCIMENTO: 28/11/88
CIDADE: PARANAVAÍ - PARANÁ

= GENÊROS DE FILMES FAVORITOS:
SUSPENSE, ARTES MARCIAIS, FANTASIA,
ASIAN HORROR E CATÁSTROFE.

= DIRETORES FAVORITOS:
FRANCIS LAWRENCE, MARC WEBB, M NIGHT SHYAMALAN,
ZHANG YIMOU, JAMES WATKINS, E JAMES WONG.

= GENÊROS MUSICAIS FAVORITOS:
ROCK EM GERAL, ELETROMUSIC, ASIAN MUSIC,
ITALODANCE, E MUSICAS DOS ANOS 70, 80,90.

= LIVROS FAVORITOS:

 - FIZ O QUE PUDE: LUCÍLIA JUNQUEIRA DE ALMEIDA
(EDITORA MODERNA COLEÇÃO GIRASSOL)

 - CONTOS DE ASSOMBRAÇÃO: CO-EDIÇÃO LATINO AMERICANA
(EDITORA ÁTICA 1985)

= PAIXÕES:
CINEMA, FOTOGRAFIA, MAQUETES,
TEMPO NUBLADO, DIAS DE CHUVA, E MEU BLOG.

= FILOSOFIA DE VIDA:
“AS MAIS ALTAS TORRES COMEÇARAM DO CHÃO”

“ANTES TER FRACASSADO, DO QUE NUNCA TER TENTADO”
 
Paranavaí é um município cultural localizado no Noroeste do Paraná, Fundada em 1951. A cidade é hoje centro de um município, onde vivem cerca de 86.218 habitantes de acordo com as ultimas estatísticas de 2014. Entre as mais jovens regiões do estado do Paraná a serem povoadas e colonizadas, como decorrência do ciclo do café, esta zona situada a noroeste, nas bacias dos rios Ivaí e Paraná, nos limites do Paraná com o Mato Grosso do Sul. A partir de 1930, o povoamento deslocou-se rapidamente para a Fazenda Velha Brasileira, atual zona urbana de Pvaí, em terras virgens e férteis foi plantado nada menos que um milhão de pés de café. A inesgotável exuberância da terra da Fazenda Velha Brasileira atraiu, pessoas de todos os quadrantes do país, que vieram de uma forma, contribuir para o progresso e desenvolvimento da cidade nascente. A Fazenda Velha Brasileira, surgindo sob inspiração de Dr. Lindolfo Collor, um dos líderes da Revolução de 1930 e autor da legislação trabalhista brasileira veio a pertencer-lhe. Posteriormente foi transferida à Companhia Braviaco. Algum tempo mais tarde, por conta de um Decreto em 8 de abril de 1931, assinado pelo General Mário Tourinho, então Interventor Federal do Paraná, as terras de Pvaí voltaram ao domínio do Estado, sendo autorizado o seu loteamento. Data dessa época o início da decadência da povoação e da localidade. Verificou-se um verdadeiro êxodo na população, que abandonava o patrimônio para fixar-se noutra localidade. Somente a partir de 1944, reiniciou-se o loteamento sob orientação do Dr. Francisco de Almeida Faria, quando a localidade recebeu a denominação de "Colônia Paranavaí", neologismo formado pela junção dos nomes dos rios Paraná e Ivaí. Em 1956, no concurso promovido pela Associação Brasileira de Municípios, Paranavaí foi classificada, recebendo o "Diploma de Honra", como um dos cinco municípios de maior progresso e desenvolvimento em todo o Brasil sendo entregue pelo então presidente da república Juscelino Kubitschek.
Enfim Galera...Cair é inevitável,Mas se levantar é Opcional...e Através das minhas fotografias,eu procuro dar um novo olhar para a minha amada Paranavaí...E através dos meus livros procuro expressar a minha visão dessa conturbada sociedade moderna. Todas as Fotos dessa postagem foram Tiradas Por Mim Mesmo em Paranavaí - PR a Cidade Poesia.
Postar um comentário